Comunidad Budista Sotozen

O Corpo Real. Estudar a Via com o corpo e com a mente

Neste livro, o mestre zen espanhol Dokushô Villalba traduz e comenta o capítulo intitulado Shinjin Gakudô, em que Dôgen estimula a praticar e a estudar com o corpo e com a mente a Realidade que se manifesta perante nós.

O termo japonês shin é traduzido habitualmente como ‘mente’, mas não se trata só da mente racional, analítica ou convencional, mas também, num sentido genérico, da dimensão imaterial da existência. Por isso, é traduzido também como ‘espírito’, ‘consciência’ e sobretudo ‘coração’, interpretando este último termo como o núcleo essencial da realidade. Jin é o corpo e, por extensão, aponta para o aspecto material da realidade, perceptível através dos cinco órgãos dos sentidos. De maneira que Shinjin é a unidade corpo-mente, tanto da individualidade como da realidade total, que comporta um aspecto material e concreto e outro imaterial e abstracto fundidos numa unidade total. O Zen de Dôgen é profundamente não dualista. Por último, Gaku é traduzido habitualmente como prática-estudo. Assim como Dogen não separa o corpo da mente, também não separa a compreensão intelectual da experiência.

Transmitida aos monges no Templo Horinji, a 9 de setembro de 1243 por Eihei Dogen, este ensinamento reveste uma importância capital para todos os praticantes do Zen e para todos os interessados na filosofia budista.

Já se pode adquirir “O corpo real, tradução e comentário do Shobogenzo Shinjin Gakudo”, de Dokushô Villalba em Amazon, formato ebook. 6,17 €

 

 

Para adquirir este libro em Amazon, clique aqui